TUDO O QUE EU SOU É SEU!

Tenho pensado em você... A você eu dedico todas as idades que já tive e as idades que ainda vou ter. Você que diariamente me ama e me encara. Você que suporta minhas manias e meus erros, minhas tolices e minha preguiça. Meu barulho e meus silêncios. Você que me vê como eu sou e ainda assim permanece. A você eu dedico a minha imagem. Essa que os seus olhos refletem tão nitidamente. Quero manter-me viva pra você! E nunca te machucar. Porque não posso te machucar sem me ferir. A você eu dedico tudo o que eu fiz e tudo o que eu disse até hoje. Tudo aquilo que me fez ser o que eu sou... é pra você. Eu te dou essas coisas todas que enumero. Você que me puxa de dentro do meu próprio poço, de dentro do meu medo. Você que sobe no palco junto comigo e sente-se inundado de tanta luz! A você eu dedico as palavras todas! Mesmo as que eu ainda não disse e as que ainda não criei. É por você que o dia nasce. E é por você que anoitece. Veja! As estrelas no céu, são todas suas! Eu te dedico o meu mágico poder de trazer estrelas para as brincadeiras. Eu te dedico o meu caminho mesmo que torto! Percorra-o comigo! Há uma longa estrada de pedras preciosas e quero te dar cada passo dela. Eu te dedico toda a minha coragem. Eu te dedico os meus cuidados. Eu te dou o meu talento. Os meus espinhos e as minhas dores. A minha sina. Todos os riscos que eu corro... são seus. É por você que eu canto! Eu quero cantar você bem alto de todos os telhados do mundo. Eu te grito. Eu te dou também o lado oculto que habita em mim. Aquele que sonha e que esquece. Aquele que morre um pouco a cada dia. Aquele que envelhece. Eu te dedico essas coisas que enumero. O meu sorriso no fim do dia, as minhas pernas e o meu corpo: mãos, bunda, sexo, braços, língua, dedos, pés, coxas.... A minha boca, calada ou não. As minhas tempestades e as minhas calmarias. As minhas introspecções e os meus devaneios. O meu rosto e o meu olhar. Todos os meus 'eus' menores. Todo o meu sagrado. Todo o meu profano. Todo o meu erótico e o meu santuário. Tudo aquilo que passa por mim e aquilo que eu crio. É tudo pra você! Eu te dou o meu farol e a minha luz. Eu te dou também a minha escuridão. E olhos pra me olhar quando tudo o mais se apagar. Tudo o que eu sou é seu! Isso é tudo o que eu posso oferecer.... E ainda assim é pouco, porque eu sou pouca.... "Se eu tivesse mais alma pra dar, eu daria. Isso pra mim é viver"¹.

¹-Djavan

8 MIL RECADINHOS:

dän disse...

essa é "A" declaração hein...
vc sumiu muié! saudades.

Van disse...

Oi, Dan.... Ele gostou. Mas é pouco!
Sumi não. É só a correria do fim-de-semana.
Quando vocês descansam e se divertem é quando eu trampo... heehehehe
Beijuca querida.
PS: Certeza que vc não quer vir pra cá semana que vem? Certeza mesmo???? Eu adoraria! Minha casa tá à disposição. Pensa bem....

Sir DoRego disse...

extremamente sincera....e só os corajosos são sinceros...muito bem garota corajosa...e sincera...sua escrita surpreende a cada linha...sempre...muitos deveriam te ler, mesmo que nos dias atuais poucos ousariam te compreender...

zana disse...

nossa!!!muito lindo!!!

Loo disse...

Oi Van! Arrasou heim, que riqueza de texto! Andei sumida né, mas estou de volta. Desculpe qq coisa. Lindo final de semana e bom trabalho. Beijoss

AP disse...

Nossa, depois eu que sou corajosa... é preciso muita coragem para uma declaração dessas... muito mais do que precisei para reclamar da mulher do meu ex, hahaha... Mas, sério... Lindo, como tudo que vc escreve. Beijos e bom final de semana.

Elis disse...

Muito lindo !
Sou amiga do Xiza e vim ao seu blog através do dele... seus textos são mt mt mt perfeitos ! Me dão ateh vontade de voltar a escrever !
Esse então, foi o que mais me motivou a te escrever ! Eu não poderia deixar passar um texto desses sem elogiar o seu autor ! Parabés ! Belas palavras ! Virei sempre !

Van disse...

Elis,
Fico realmente honrada em poder inspirar alguma coisa em alguém.
Adorei o comentário e sua presença. Volte sempre e fique muito à vontade pra comentar.
Beijuca
;)

 
©2009 VAN FILOSOFIA! | by Van Luchiari