AS NOSSAS PRISÕES DIÁRIAS

Quantas vezes nos sentimos presos.... Presos a um momento, a um lugar, a um emprego, a uma casa, a uma mania, a um medo, a uma fobia, a uma euforia, a uma idéia, a um pensamento, a um desejo, a uma pessoa que nos faz mal e nós nem percebemos (ou deixamos), ao barulho da cidade, à falta de silêncio, a uma paixão mal resolvida... Eu me sinto presa a tantas coisas..... Presa a mim mesma, à minha auto-crítica feroz, à minha entrega inconseqüente, à minha vontade de ser melhor, de saber mais... Presa aos meus desejos, às horas que passam... Presa às coisas que aprendi como certas um dia. E no entanto é tudo tão relativo... Eu sou mutável! E se eu estou em mudança constante, pra quê me prender a qualquer coisa? A vida é um labirinto mesmo! Onde as paredes mudam constantemente de lugar... E nós estamos presos ali... E o nosso corpo parece colado ao chão, sem conseguir se levantar.... E nos vemos sozinhos em meio a tantas prisões. Prisões que nós mesmos criamos... Com muros altos que nos bloqueiam... Quantas vezes estamos caídos e não temos uma só mão que nos levante e nos ponha de pé, no eixo! No fundo, estamos todos presos...... A alguma coisa.... A alguém.... A uma parede... A um labirinto mutante! ... A nós mesmos!


9 MIL RECADINHOS:

Bia Ferreira disse...

Nós somos nossa propria prisão. Nossas grades são nossos pensamentos limitados...

Van disse...

BIA: Uma vez li uma frase genial, agora não me ocorre o nome do autor (assim que me lembrar, posto aqui) que dizia: "Entre em sua cela e ela lhe ensinará tudo o que há pra saber. Sua cela: Você mesmo!"
E é isso mesmo! O que nos prende são os muros e as grades que nós mesmos criamos.
Beijuca, querida. Sempre bom ter você por aqui. Obrigada!
;)

olhosdemar disse...

este video e a musica do u2 sao tudo. beijo!!

Van disse...

OLHOSdeMAR: Também acho!
Obrigada pela visita e pelo comentário, querida.
Beijuca

Ricardo Rayol disse...

No fundo mesmo criamos nossas próprias celas soturnas. Prisioneiros de nossas angústias projetamos nossas frustrações na teia de pesnamentos amargurados.

O pior é a prisaõ de ventre (desculpe Van mas o trocadilho foi inevitável).

DM disse...

Ai Van, você consegue falar tudo em tão poucas palavras, mas acredito que somos constantes prisioneiros de nós mesmos! Grades e celas, somos nós que as criamos !!

Beijos

DM disse...

Ai Van, Esqueci de dizer, sou simplesmente louca pelo U2!!!!Já escrevi até crônica erótica sobre os caras, quando tiveram no Brasil!!! Mas, não tenho coragem de publica-la ....

Van disse...

RAYOL: Só deixo passar porque eu tb sou assim, adoro uma piada e nunca a perco! hahahahahahaha

DM: Menina, se eu pudesse eu dava pro Bono e pra banda toda! hahahahahaha Beeem groupie mesmo! OPS! Coisa feia de se dizer! hahahahahaha
Comporte-se Van, comporte-se!
hehehe
Beijuca, querida

Edson Marques disse...

.




Há uma pequena prisão dentro de uma grande prisão.


E o pior é quando estamos na menor...





Abraços, flores, e estrelas livres!




.

 
©2009 VAN FILOSOFIA! | by Van Luchiari