PAROLE! PAROLE! PAROLE! - (MEME)

PAROLE! PAROLE! PAROLE! A queridíssima AP me convidou pra mais um MEME. Dessa vez sobre gírias e regionalismos. Devo confessar que embora viva hoje no irteriorrrrrrrrrr de São Paulo acabei incorporando gírias de Sampa (onde morei) e de Minas (eu adoro os mineiros e adoro contar piadas de mineiros e de tanto imitá-los acabei falando com o sotaque deles). Mas o meio em que trabalho e vivo (musical) tem gírias próprias, quase um dialeto.... Aí vão algumas que eu considero bem presentes no meu dia-a-dia:

Messsss - Mesmo!
Bagaça / Bagulho - Coisa ("Onde foi que eu coloquei aquela bagaça?") Geralmente usada quando não nos lembramos do nome da 'coisa' propriamente dita.
Vintage (leia-se Vintáge -pq só é engraçado se falado assim) - Essa é muito usada no meio musical pra designar tudo o que é retrô, antigo, ultrapassado.
Frau - Coisa sem-graça.
Vazar - Ir embora. Sair. ("Vaza daqui! ou Vou vazar!")
Paulêra - Qualquer coisa que tenha sido difícil, corrida, pesada, puxada... ("Meu dia foi paulêra!")
Vixe! - Básico, né? Indica surpresa.
Uia! - ("olha!") Também usada pra indicar surpresa!
Embucetado - É feio, eu sei, mas é uma palavra bastante usada por aqui. Quando o trânsito está engarrafado, ele está embucetado! Usa-se quando algo está muito atolado, atravancado, encalacrado, bagunçado.
Nháca - De significados complexos. Pode ser pra indicar quando alguém está cansado, exausto, de rê bordosa, fedido, sujo, com preguiça... ("Ai, que nháca!")
Nem - Uma forma de negação, alternativa do tradicional Não. ("-Você vai lá hoje?" "-Nem!")
Massa - Quando alguma coisa é legal, boa e interessante ela automaticamente passa a ser uma coisa Massa! Que massa!
Caraiii / Caraca - Precisa dizer messss??????


*Convido agora: Zana, Alê, Sir, Danusia, Oscar

8 MIL RECADINHOS:

Mulher Aspirina disse...

Rsss.
Por cá usamos: massa; caraiii (óbvio); Nem; Vixe (com certeza); Uia; bagaça...
Em vez de "embucetado" fazemos uso do "tabacudo(a)"
E outra gíria que tá dando o que falar é um tal de "Afffff..."
infinatamente maior o tão grande seja o absurdo.
Beijocas
Gostei daqui, estarei te add em meu blog holl.

Osc@r Luiz disse...

Xá dona muié!

Craro que io vô anceitá o seu "Memo" seiládashquanta! Só si fô agora!
Só mi dexa passá a tar da semána do meo bientio, que io djá vô pruvidençá.
Num fujo di disafilho nem di onça pintádia, quanto mais de uma muié bunita!
Pode contá cumigo!

Van disse...

Vixe!
OSCAR: Isso aí tá precisando de tecla SAP!
hahahahahahahahahahahahahahaha
Beijuca procê, querido.

MULHER ASPIRINA: Adorei o blog e o slogan é impagável! Aff..... (também uso muito o Aff... E ele é uma delícia!)

dan disse...

oi darling, eu já fiz esse meme no hipermoderna! ^^

mas obrigada por me chamar, adorei!

beixxxos! xoxoxoxo

AP disse...

Querida!!! Adorei! Beijos!

DM disse...

OI VAN, só li hoje, realmente estou prá lá de desatualizada ...
Eta diversidade boa essa da língua portuguesa ...

Adorei, beijos

Vivien disse...

gostei demais, o regionalismo dá uma cor especial pra língua.;0)

valter ferraz disse...

Van, passando prá agradecer a visita e comentário no perplexo. Gostei das gírias. A maioria delas nós usamos por aqui também. O "embucetado" aqui em casa é recorrente, uso liberado!
Beijo, menina

 
©2009 VAN FILOSOFIA! | by Van Luchiari