EU DEIXAREI...

"Eu deixarei que morra em mim
o desejo de amar os teus olhos que são doces
Porque nada te poderei dar senão
a mágoa de me veres eternamente exausto.
No entanto a tua presença
é qualquer coisa como a luz e a vida

E eu sinto que em meu gesto existe o teu gesto
e em minha voz a tua voz.
Não te quero ter
porque em meu ser tudo estaria terminado.

Quero só que surjas em mim
como a fé nos desesperados

Para que eu possa levar
uma gota de orvalho
nesta terra amaldiçoada

Que ficou sobre a minha carne
como nódoa do passado.

Eu deixarei... tu irás
e encostarás a tua face em outra face.

Teus dedos enlaçarão outros dedos
e tu desabrocharás para a madrugada.
Mas tu não saberás que quem te colheu fui eu,
porque eu fui o grande íntimo da noite.
Porque eu encostei minha face na face da noite
e ouvi a tua fala amorosa.
Porque meus dedos enlaçaram
os dedos da névoa suspensos no espaço.
E eu trouxe até mim a misteriosa essência
do teu abandono desordenado.
Eu ficarei só
como os veleiros nos portos silenciosos.

Mas eu te possuirei
como ninguém porque poderei partir.

E todas as lamentações do mar,
do vento, do céu, das aves, das estrelas.
Serão a tua voz presente,
a tua voz ausente,
a tua voz serenizada".

(Vinícius de Moraes)

16 MIL RECADINHOS:

Ricardo Rayol disse...

Cappaz, me deixou absolutamente mudo.

Leticia disse...

Lindo Van...incrível como a tristeza e dor geraram tantas coisas lindas!

AP disse...

Ai, Van... Meu coração tão tão tão partido se partiu um pouco mais...

Van disse...

AP: Vou te contar um segredo. O bom de a gente se quebrar e se partir e estar em pedaços é que só assim podemos colar tudo de volta, mas nos lugares certos! Arrumar o que estava errado. Lembre-se do que te falei há um tempo atrás, querida..... VOCÊ É MELHOR E MAIOR DO QUE VOCÊ! Ai se eu estivesse aí, esse chopp ( eu prefiro uísque ou campari ***eu vi a careta que vc fez, não adianta disfarçar*** ) ia ser providencial!!!!! Aff! Essa distância viu??????? Saco!
Amore, te adoro. Quero te ver bem!

Erika disse...

ai ai.. vinícius.... depois de ver e ouvir claudinha telles, paulinho tapajós e marcelo lessa... tudibom.

Beijos

Osc@r Luiz disse...

Não conhecia...
Vou ter que ler umas 15 vezes pra absorver tudo...
Beijo!

Wolverine Logan disse...

Bem que a AP me preveniu que você é muito intensa, mas não dá pra ficar indiferente isso é fato.

Mélica disse...

Estava sem muito tempo essa semana para visita os amigos..
É belissimo esse poema! ;)
Muito bom começa o dia com belas palavras.. Beijos e um ótimo final de semana.

AP disse...

Van, finalmente consegui voltar. Olha, querida, digo isso pra mim mesma todos os dias desde que você me falou. É meu mantra!
Campari? Adoro, hahahaha! Uísque, não, todas as vezs que bebi, fiz m...
Mas hoje estou melhor e você sabe que me ajudou muito.
E prometo que na primeira oportunidade vou aí. Me prometa o mesmo!!!
Beijos, obrigada e depois nos falamos!

Van disse...

RAYOL: Meu querido, até o silêncio diz muito! Adoro-te. Você sabe!

LETÍCIA: A dor é necessária para a criação. Não há uma só obra de arte, seja ela qual e na forma que for, que não tenha sua origem na dor. (porque até a felicidade dói) A dor é uma MUSA muito potente!

ÉRIKA: Que bom gosto heim muié??? hehe

OSC@R: Querido... O poema estará sempre aí. Volte e leia quantas vezes forem necessárias. ...Algumas coisas, pra podermos entendê-las e absorvê-las completamente, é preciso apenas fechar os olhos de fora e abrir os de dentro. E isso exige entrega, dedicação e constância. É um exercício diário.
Te adoro! Beijuca

WOLVERINE: Querido...
Então não fique! ;)
A Ap é suspeita pra falar! Não vá acreditando em tudo o que ela diz! Ela me vê com os olhos dela. Por isso fica tudo intenso! ;)

MÉLICA: Lindaaaa, sempre um prazer te receber. Sim! O texto é lindo! E poesia é sempre bom pra amansar e amolecer a gente. Assim não nos tornamos duros e fúteis demais!

AP: Prometido! Ainda tomaremos um (ou dois, ou três) Campari juntas! E provavelmente só nós mesmo. Porque ninguém gosta de Campari! hahahahaha E olha que aprendi a tomar e gostar de Campari com a minha avó! A culpa é dela! hehehe
Amore, quando der, me chama no MSN.
Beijuca

renatinha! disse...

Van,

Nossa!

Tb não conhecia!

Bonitoooo...

Beijo querida, ótimo fds!

Flávia disse...

Vaaaaaannnn!!

Menina, que vozeirão! Amei a tua versão de "with or without you"... me diz uma coisa: a voz de "you gotta be" também é sua? Se sim, olha... ganhaste uma fã incondicional.

Lindo, lindo, lindo. Dá nem vontade de sair do blog (rsrs)...

Beijos, amiga talentosa!

DM disse...

Ai Van, porque fico tão sensitiva e perceptiva quando leio esse blog, hem ? Porque aqui só acha poesia pura ...Realmente você se inspira no que há de melhor, Vinicius é simplesmente tudo de bom, curiosamente quanto tava em Porto Alegre, ouvi muito ele no carro ...
Beijos, matando saudades !!!

Van disse...

RENATINHA: Lindo, né querida????
Bom finde procê também!

FLÁVIA: Querida.... Sim! Sou eeeeeeeeeeu! ;)
Que bom que gostou.
E se não dá vontade de sair do blog, então não saia! Acomode-se aí, abra um bom vinho, uma coberta para o frio, uma boa companhia....e fique à vontade! ;)
Será um prazer cantar pra vc!
Brigada de montão, lindona!
Beijuca

DM: Aaaaaaaaaaaaaaaaiiii, muiééé!
Que saudades!!!! Ainda bem que voltou! Estava sentindo sua falta!
Vinícius é tudo de bom!
Os seus elogios sempre são tudo de bom!
Você é tudo de bom!
Fico tãããããão metida quando você diz essas coisas de mim! hahahaha Fico me achando!!!!! hahahahaha
Te adoro, viu?
Beijuca

Rafael Reinehr disse...

Van, que vozerão, hein? Escutei tuas músicas no My Space e gostei muito. Acho que tenho que aproveitar para colocar as músicas da minha antiga banda por lá... Enquanto isso não acontece, pode dar uma olhada por aqui: http://reinehr.org/musica/the-brains/index.php

Nada, perto de você, mas mesmo assim foram gravações sinceras...

AP disse...

Não acredito! Foi minha vó que me ensinou a gostar de Campari tb! Campari é cosa de avó...
Linda, ontem não consegui usar o msn. e quando entrei vc estava ausente e não quis te chamar... A vida segue... Me reinventando... Beijos.

Ah, suspeita, eu?

 
©2009 VAN FILOSOFIA! | by Van Luchiari