INTO YOUR HEART

"Into your heart I´ll beat again..."
(Clique e veja o clipe!)


________________________________________________________________

Há que se abrir o coração e encontrar outro dentro!
Como uma progressão infinita de amores imortais. Como uma Matryochka, uma Babouchka nas mãos frágeis da descoberta. Disposto à entrega. Pronto para dar-se profundamente ao desconhecido. Imune à dor, porque ainda não a conheceu. Um coração capaz de amar como quem nasce. Um coração banhado na verdade.
Há que se amar como se nunca antes tivéssemos sentido o pulsar de uma paixão.... Quebrar as cascas que nos protegem e nos afastam do sentir profundo. Arrebentar as correntes que nos limitam o contato. Romper o casulo e as cercas que nos mantém frios e distantes. Há que se encontrar dentro desse coração endurecido, um outro ainda novo, fresco e flexível. Disposto a começar tudo denovo.
Há que se abrir o coração e encontrar outro dentro!
E assim sucessivamente até que se aprenda que não há nada além disso.
Até que o coração aprenda a sua própria imortalidade.


Por Van Luchiari ₢
_______________________________________________________________________________

Abri meu coração mais de mil vezes.... E em todas elas te encontrei.

Tu estás dentro de mim, intrínseco, tóxico e inebriante.
Tu estás dentro de mim.
Dentro de cada pele que eu arranco.
Tu vives em cada pedaço que eu retiro e nos pedaços que me ficam.
Renovo o meu coração a cada instante só pra te encontrar denovo.
Sempre frágil. Sempre nascente. Sempre mistério.
Fui te guardando em cada poro, em cada pelo... a cada inspirar.
Doce e fartamente. Homeopaticamente.
A cada palavra que cuspias, eu lambia-te as poesias.
E assim fui gerando a tua existência
irremediavelmente dentro de todos os meus dias.

Comendo com tua ausência faminta as minhas madrugadas.
Sim. Podes ir e voltar. Podes morrer e nascer.
Sempre estarás aqui em mim, em cada coração que eu descobrir.
E cada vez que eu me rasgar e me abrir verei a ti, cá dentro.
Tão longe e tão perto. Pulsante e constante.
Profundamente vivente em tudo o que eu sou, em tudo o que eu tenho,
em tudo o que eu sangro, em tudo o que eu sinto.
Em mim, tu és o eterno e o imortal.
És o sonho que invade minhas manhãs de umidade e delícia.
És o alguém que não me deixa ir, nem tampouco ficar.
Infinitamente cravado no meu dentro mais dentro.
Em todas as minhas peles e em cada coração que eu dou de arder, queimar e sentir.

Abri meu coração mais de mil vezes.... E em todas elas te encontrei.

Por Van Luchiari ₢

14 MIL RECADINHOS:

Erika disse...

Há que se abrir o coração e encontrar um monte dentro... o seu tá aqui, guardadinho.

Beijooooooooooooo

"Oncotô? (Erika)"

Antonio Ximenes disse...

Van.

O Amor é imortal... é infinito... como diria Vinicius... é eterno enquanto a chama arde em nossos corações.

Existe um fim... mas ninguém cogita no "durante" do ato de "amar".

Tu és uma poeta.

Abração pra ti.

Ricardo Rayol disse...

Como anda intensa nos seus textos. Já eram instigantes agora estão demais.

Van disse...

_______ERIKA_______
Ô minha linda....
Você também é especial, querida.
Teu espaço aqui dentro é grandão!
;)
Beijucas

_______ANTONIO_______
O poeta aqui é você, querido!
Um dia aprendo como se faz isso direitinho.
;)
Me ensina?
Beijucas

_______RAYOL_______
Saudades dos seus comentários.
Saudades de você.
Obrigada pelo elogio.
Ando intensa então? Hmmm....
Deve ser você! ;)
Beijucas

Alê disse...

U-hu!

Amore, cuide-se! Beijos

paulo disse...

Ah o amor.O que seria de nós sem o A M O R .
Abraços

Leticia disse...

Querida que lindo ,principalmente o segundo texto , essa entrega verdadeira e real , essa renovação apesar das decepções é tão importante e tão difícil ao mesmo tempo...
Vc está melhor? Espero que sim.
Bjks linda.

Van disse...

_______ALÊ_______
Minha linda... Tô me cuidando. Tô me cuidando.
Vc está cada vez melhor!
Teus posts, teu blog, tudo...
Como se fosse possível melhorar o que já é tão perfeito!
Sou sua fã, moça.
Quando crescer quero escrever como você.
Aff....
Beijucas

_______PAULO_______
"Sem amor eu nada seria..."
Obrigada pelo comentário e visita.
Da próxima vez, deixe algum link de retorno pra que eu possa entrar em contato contigo.
;) Gosto de retribuir as gentilezas.
Beijucas

_______LÊ_______
Tô melhorando, linda.
Mas ainda dói.
Saudades de vocês.
Quando melhorar completamente, volto ao MSN pra gente pruziá!
Beijucas, amore.

Flavinha disse...

Cada vez que abro meu coração encontro vc lá, com essa "toxicidade inebriante" tão característica.

Saudade de vc que nem cabe no peito.

Cuide-se, moça.

Beijos!

NavsALL@usa.com disse...

muito pom coração. baccio.

Edu Grabowski disse...

" Há que se abrir o coração e encontrar outro dentro!
E assim sucessivamente até que se aprenda que não há nada além disso.
Até que o coração aprenda a sua própria imortalidade.
(...)
Abri meu coração mais de mil vezes.... E em todas elas te encontrei."

Dispensa qualquer comentário!

=)

Beijos pra ti, linda Van.

Edu.

moacircaetano disse...

Adorei, especialmente o primeiro!
Beijo grande!

Van disse...

_______FLAVINHA_______
Meu amor, saudades também. Bom fazer parte desse coraçãozão que ocê tem! Love U!
Beijucas

_______ALL_______
Bom é ter a admiração de pessoas como você! Isso sim é bom! E é recíproco!
Beijucas

_______EDU_______
Obrigada, lindo Edu! Com todos os meus corações! Adorocê, moço!

_______MOACIR_______
Obrigada, querido! Seja sempre muito bem-vindo! A casa é sua!
Te espero outras vezes por aqui.
Beijucas

Tatá disse...

Van,

Divino. Esplendido, eu diria.
É uma emoção diferente a cada visita, a cada post, a cada palavra lida.
Você é um escândalo! (No bom sentido da palavra, se me permite).

"Abri meu coração mais de mil vezes...E em todas elas te encontrei."

Beijo grande, com saudades

 
©2009 VAN FILOSOFIA! | by Van Luchiari