FLOWERS IN THE WINDOW

Flowers in the window - Travis


Placenta e Sentidos
Algumas pessoas são como uma brisa fresca da manhã
invadindo o quarto escuro e fechado da alma adormecida.
Entram na nossa vida pra nos fazer respirar e
como um sopro de vida vão nos fazendo nascer. E tudo é mais rico e tem mais cor. E de repente nossa imagem no espelho finalmente faz algum sentido. E assim, como mágica, as cores tornam-se mais fortes. E os cheiros penetram como língua pelo corpo todo. E os olhos se abrem (finalmente vejo!).... Você existe e está por perto!
Algumas pessoas têm esse poder de se parecerem com anjos... Botam com as mãos delicadas os sentimentos dentro da gente. E quando batem as asas tudo em nós se transforma. E há beleza nas coisas todas!

(E então eu nasci ! E nascer dói ! Mas vibra e treme em todos os meus sentidos.)
Finalmente sinto!


Teias e Tesouros
Meu coração era cofre, acredite! Mas algumas pessoas mágicas ouviram o meu segredo e destruíram as fechaduras que me trancavam em mim mesma. Arrancaram os meus espinhos e me cuspiram as flores. Armadilha do destino! "Você gemeu todas as minhas dores, comeu os meus espinhos e me cuspiu as flores"...


Janelas e Borboletas
Se você olhar pela janela agora, verá! Borboletas revoando sua vida. Jardins floridos e palpitantes. "Wow, look at you now / Flowers in the window / It's such a lovely day / And I'm glad you feel the same / Cause you stand up / out in the crowd / You are one in a million / And I love you so / Let´s watch the flowers grow"
...
Você se depara com essas pessoas e pensa que não as merece. E você tenta fugir dessa inundação de beleza que inventou de invadir a sua vida, que teimou em ser sua.
Mas é tarde!
Algumas pessoas nunca mais serão sozinhas e uma vez que entraram em você, você nunca mais será igual . E por mais que você tente ou queira ou não, elas tornam-se parte de você, do seu corpo e da sua alma. Tornam-se parte do seu destino! E te mudam de tal forma que o seu ser que era escuridão, quarto escuro, solitude... Torna-se janela aberta, espaço e brisa, borboleta, estrelas, completude....
Você não pode mais ignorar....
O que te tocou, te tocou pra sempre. Só lhe resta uma coisa: ENTREGAR-SE! E deixar que essas pessoas curem-lhe as feridas e transformem as suas dores e medos em luz, em sol, em ar!!!!
...
Certas pessoas são COISA rara e preciosa!!!! Guarda-as bem e cuide de deixar as janelas sempre abertas e a vida sempre arejada........

Para alguém que um dia foi tudo isso em mim ...
Por Van Luchiari ©

7 MIL RECADINHOS:

Paulo R Diesel disse...

Sem comentários.

Osc@r Luiz disse...

Eu tinha que passar por aqui pra deixar o meu beijo pela passagem do dia das mulheres. Principalmente por saber que voce não é daquelas que fica se lamentando ou reivindicando. Simplesmente levanta, vai lá e faz. Ocupa os espaços com os seus multi-talentos. Bem como as coisas devem ser.
Beijo com carinho e uma ótima semana!

Paola disse...

*Sem comentários*
Você sabe do meu tudo!
Só isso!
Beijos

Ricardo Rayol disse...

certas pessoas são raras. e mesmo atrasado deixo aqui meu beijo pelo dia da mulher.

.linny disse...

a raridade é algo onde vc não encontra tão fácil.

um beijo

Antonio Ximenes disse...

Desta vez você calou sua platéia.
Admiração total.
Parabéns.

Abração forte pra ti.

Rui Carlo disse...

"Algumas pessoas... botam com as mãos delicadas os sentimentos dentro da gente. E quando batem as asas tudo e, nós se transforma. E há beleza nas coisas todas"
Tem algo de sombrio, mas um sombrio sóbrio... Senti tua mudança, mudaram-te as palavras e as cores, mas a poeticidade te transborda, como as cores do sol (uma vez que as cores são radiações de luz e o sol é quem nos permite ver). Como sol poetizas tudo o que compões, podem haver nuvens espessas, mas o dia não vira noite, pois a luz solar ainda é forte o suficiente para clarear os dias.
Todos nós temos dias nublados, mas são dias e tua luz sempre clareia o dia...
minhas noites ficaram vazias sem tua companhia... adoeci, mas tô me recuperando...
Lindissima a composição que retrata as presenças das pessoas em nossas vidas, mesmo quando ausentes, deixam suas marcas

 
©2009 VAN FILOSOFIA! | by Van Luchiari