FAZ FRIO

....Carta para alguém bem longe....


Aqui. Hoje. Essa noite. Em mim.

Faz frio lá fora.

Meu corpo dói, trincado dessa falta, dessa ausência, dessa tortura de não te ter.
Anseio intimamente saber rodar as horas pra trás. E te encontrar novamente. Mas os relógios me escapam. Sempre.
Busco incessantemente o respirar completo que era quando eu te tinha. Meus pelos vivem à espera dos arrepios que moravam aqui quando havia tua voz. Aquele sentir tão sentir que fazia tudo ser completo.
Faz frio aqui dentro.
Eu só consigo tocar o oco que ficou em tudo. O resto não existe.
Nos meus lugares mais profundos e fecundos, agora há um nada latejante à espera das tuas mãos. Das tuas palavras. Da tua boca.
Inutilmente eu espero por algo que se pareça minimamente com o que éramos. Com o que eu era quando éramos nós. Numa letargia, espio o passar dos instantes opacos.
Fere-me a solidão dessas eternidades em que não te vejo.
Tudo é tão abismo. Tudo é tão buraco em mim.
Faz frio em tudo.
Nem a água me conforta. Nem os morangos me saciam.
Sangra-me a falta das coisas que inventamos de ser nossas. Falta-me a vida que sonhamos um dia. A vida que iria escapar da prisão da ilusão pra ser livre. Pra ser concreta. Pra ser aqui e agora.
E nunca esgota-se essa procura pelo que eu sabia sentir quando existia você.
Faz frio no desejo.
Eu que sabia arder, queimei meu amor em todos os fogos até o fim.
Busco em desespero essa completude de saber-me entregue. Transpiro essa febre seca de querer lançar-me novamente nos abismos das paixões. Ressuscitar em mim as coisas que eu pulsava. Encontrar-me. Saber-me quente novamente. Aquecida dessa têmpera inquieta de saber gozar. De saber amar. De saber sentir.
Faz frio em mim.

Faz frio.


Por Van Luchiari ©
_____________________________________________________________________

Tem poema no SECRET também. (Proibido para menores)

17 MIL RECADINHOS:

psique disse...

O frio é tão avassalador, e a saudade transforma o nosso mundo num lugar irreconhecivel, no qual nada nos é familiar, e somos incapazes de sentir qualquer tipo de conforto. A maior chama da alma, a que melhor nos aquece, é sem dúvida o amor, ele enche-nos, e na sua ausência somos vazios.

Adorei :)

beijinho *

tita coelho disse...

O frio é horrível Van... e saudade nem se fala! Tá demais tua poesia
beijos

Paulo R. Diesel disse...

Uns gostam, outros detestam, eu adoro o frio. O frio e todas as suas peculiariedades. Dentro e fora de mim.

Bela poesia, Van

Bj.

Ricardo Rayol disse...

que suas letras então caiam em pilhas e uma fagulha acenda-as te aquecendo.

Ígor Andrade disse...

" Nem os morangos...? "
Jura?
rsrs

Carlos disse...

Curto: D+ !

osrevni disse...

Esse poema, tão lindo, é também tão triste que me faz congelar.

Menina da Imprensa disse...

"...O respirar completo que era quando eu te tinha." Frio da saudade é assim né, gela na alma, deixa a gente ofegante... Frio da saudade,só a presença aquece...
Tristinho mas lindo!
Kisses

F. disse...

Saudade é danado pra dar esse frio...ausência também... ausência de quem se ama, memsmo que esse alguém esteja fisicamente próximo... porque as maiores distâncias moram dentro da gente...

Beijos, luv ya ;)

Three Love's disse...

Oi linda,
esse seu blog é belíssimo!!!
O poema é maravilhoso,

"transpiro essa febre seca de querer lançar-me novamente nos abismos das paixões"

lindo e poderoso!!!

b.e.i.j.o.s.

Van disse...

PSIQUE, TITA
Obrigada queridas!

PAULO
Também adoro o frio...
Principalmente o frio não-metafórico.

RICK
Tomara que sim.

ÍGOR
É... exagerei. hehehehe
Os morangos continuam me causando os mesmos efeitos.

CARLOS
Obrigada, querido. ;)
Que bom que veio descobrir também esse blog.
Beijucas

OSREVNI
Brigadinha, moço. ;)
Não congele! Prometo aquecer minhas palavras logo logo.
Adorei a visita e comentário.
Beijucas

MENINA, FLÁ
Amores, sempre sábias e delicadas.
Adoro vocês. Obrigada.
Beijucas

THREE LOVE´S
=))))))))))))))))))))))))
Obrigada. Muito.
Beijucas

Gabriel disse...

where are you....but...se você lá não passa eu aqui continuo a passar...a ler e a gostar...
beijo pra ti...

Paola disse...

Amora, aqui também tá um frio danado...chuvoso...nublado...

Love u allways!

Bjos

Tatá disse...

Acho que tem feito mais frio dentro de mim, do que lá fora.
Mesmo com o balé das árvores, o céu nebuloso, dentro de mim acontece uma grande tempestade...assim como você disse, nada me conforta.
Amei o que li.
Você, como sempre, incrível e brilhante nos seus textos.
Bem sabe o quanto sou sua fã!!!

Beijão, amore!

Van disse...

GABRIEL
Respondi lá no teu blog, querido.
Você tem razão. Eu estou te devendo muitas coisas!
Shame on me!

PAOLITA
Minha amora querida...
Esse frio, essa tempestade... Isso tudo vai passar.
Te amo.

TATÁ
Obrigada amore... Tb te adoro.
Eu adoro tempestades, mas também sei o quanto elas podem ser lindas mas devastadoras! Intensas! Do jeitin que eu amo.
Sou brilhante não, linda.
Você que é.
Beijucas amore

Mestre Splinter disse...

...caralho, e onde eu fui botar minha pederneira numa hora dessas?



...hehehe...tomara que já tenha passado à essa altura, o frio brabo esse...

林宥嘉yoga disse...

That's actually really cool!AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,性愛,a片,AV女優,聊天室,情色

 
©2009 VAN FILOSOFIA! | by Van Luchiari